terça-feira, 9 de outubro de 2007

MARIDOS



Maridos amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a Si mesmo se entregou por ela. Efésios 5:25
Perceberam que não estamos aqui diante de uma opção, mas sim de um mandamento? E que o verbo AMAR está no imperativo?
No entanto, apesar de parecer impossível o cumprimento desta ordem: “Como Cristo amou a igreja”, sabemos que Deus é sábio e jamais nos colocaria diante de uma situação sem nos dar suporte absoluto para o exercício dela.
Amar como Cristo amou pode ser uma tarefa às vezes dolorosa quando a esposa não sabe ser amada, tem uma alma doente e não sabe corresponder ao zelo do marido. No entanto, Paulo foi inspirado para transmitir tal ordem no modelo de amor de Jesus, que sempre se punha como exemplo, com a autoridade que seu modo de vida lhe conferia, mesmo não sendo tarefa fácil amoldar a natureza humana.
Vejamos o que nos diz a Bíblia: Ele verá o fruto do penoso trabalho de sua alma e ficará satisfeito; Isaias 53:11.
Houve um preço a pagar, mas resultou. Todo investimento imposto por Deus traz uma vitória ímpar para nós.
Cristo não se ofereceu em sacrifício para que outro desfrutasse da sua esposa, Ele o fez com o propósito de ser feliz com ela. Leiamos:
...para apresentar a SI mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, porém santa e sem defeito.
O que aprendemos então é que quando você ama, ama para si. Mas, com este amor de Cristo: Assim também os maridos devem amar a sua mulher como ao próprio corpo. Quem ama a esposa a si mesmo se ama.
Porque ninguém jamais odiou a própria carne; antes, a alimenta e dela cuida, como também Cristo o faz com a igreja. Efésios 5:28,29.
Mas por quê? Eis porque deixará o homem a seu pai e a sua mãe e se unirá à sua mulher, e se tornarão os dois uma só carne. Efésios 5:31.
Entendemos! Uma só carne, não são mais “Eu” e “Tu”, mas sim os dois fundidos em um. Por esse motivo uma separação é sempre dolorosíssima, amarga, angustiante, mortificante; é arrancar um pedaço de cada um.
Para evitar tanta dor Jesus foi categórico: De modo que já não são mais dois, porém uma só carne. PORTANTO O QUE DEUS AJUNTOU NÃO O SEPARE O HOMEM Mateus 19:6.
Amar é mais que palavras e atitudes é vida. Guiomar Barba.



Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

Nenhum comentário:

Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML