quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

SEM BARGANHA


Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie.

Apesar desta afirmação tão clara, tão precisa, o homem tem encontrado meios de cumprir, para a sua própria perdição, a profecia do apóstolo Pedro: Também movidos por avareza, farão comércio de vós, com palavras fictícias;
para eles o juízo lavrado há longo tempo não tarda, e a sua destruição não dorme. 2ª Pedro 2:3.

Muitos líderes religiosos têm oferecido um evangelho de barganha, pondo “Deus” como o empresário dono da fábrica celestial de mercadorias, e aqui no planeta terra, eles, poderosos empresários, oferecendo os milagres e favores de “Deus” em troca de dinheiro para que esses mesmos magnatas terrenos construam mansões, tenham carros de luxo, viagens internacionais com hospedagem nos cinco estrelas, férias das mais sofisticadas. Para justificar “Deus”, que só os faz prosperar, mentem para os seus extorquidos dizendo que suas ofertas e dízimos são para propagação do reino “Deus” aqui na terra. Lobos vorazes!

O grito no templo-mercado é: “Dê mais! Não dê miséria! Dê muito para receber muito mais. Se você quer um emprego, quer ser curado, resolver problemas conjugais, solucionar os problemas do seu lar, traga seus dízimos e ofertas e você viverá em um paraíso aqui na terra, você receberá todas as bênçãos das mãos do Senhor.”
Enquanto Jesus preveniu:
Tenho vos dito isto, para que em Mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo. João 16:33.

MERCENÁRIOS, filhos do diabo. Na bíblia consta que o nosso amado apóstolo Pedro era apenas um simples pescador que ao ser vocacionado por Jesus para pescar homens, simplesmente deixou tudo e O seguiu, sabendo que Jesus não tinha nem mesmo onde pousar a cabeça.
As raposas têm seus covis, e as aves do céu, ninhos, mas O Filho do Homem
Não tem onde reclinar a cabeça. Lucas 9:58.

Ponderemos bem, usemos o raciocínio, Pedro que andou lado a lado com Jesus, afirma: A Salvação é por fé e não por obras, é dom de Deus, ou seja, ninguém pense que adquire esta tão grande salvação fazendo boas obras. Como então vamos acreditar que para adquirir bens terrenos ou milagres que durarão somente nesta vida precisamos barganhar com Deus?

Aquele que nem mesmo a Seu próprio filho poupou, antes O entregou por todos nós, como nos não dará com Ele todas as coisas. Romanos 8:32.

Como advertiu o próprio Jesus: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus. Mateus 22:29.
Também muitos são enganados por não conhecerem os ensinamentos de Jesus e o que Ele pede de nós. Guiomar Barba.









Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

2 comentários:

Warley José disse...

Realmente minha irmã, vivemos em um geração na qual não é difícil encontrar situações como relataste em seu post. Mas também, existem aqueles que fazem a obra do Senhor com ordem e descência, segundo a vontade do Pai. Mas infelizmente os que nos decepcionam com o ato de barganhar Deus em troca de "milagres e bens terrrenos", escandalizam a Igreja (o corpo de Cristo), em geral.

Agnaldo Gomes disse...

Mensagem corajosa.
O evangelho vive dias difíceis, e é preciso bradar contra tanta aberração.

Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML