segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

FILHA DE ABRAÃO COM ESPÍRITO?




Sim, nos conta a história que Jesus estava ensinando na sinagoga quando chegou uma mulher possessa de um espírito de enfermidade havia dezoito anos; andava ela encurvada, sem de modo algum poder endireitar-se. Não obstante, Jesus declarou que ela era filha de Abraão, filha, não somente por ser judia, mas principalmente pela herança espiritual.
Por que motivo não se devia livrar deste cativeiro, em dia de sábado, esta filha de Abraão, a quem satanás trazia presa há dezoito anos? Lucas 13:10-17.

Constatamos nesta história que o fato de sermos filhos de Deus não é o suficiente para vivermos uma vida de liberdade espiritual. É necessário andarmos com Deus.

Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor de vós como um leão que ruge procurando alguém para devorar. 1ª Pedro 5:8.

Aquela mulher estava na sinagoga, deveria cumprir todos os rituais
da lei e, por certo, amava ao Senhor. A Bíblia, no entanto, não nos relata porque aquela criatura estava há tantos anos prisioneira de um espírito de enfermidade.
Sabemos apenas que nenhum espírito tem poder sobre os filhos de Deus se não houver da parte de Deus permissão por um motivo muito especial, como no caso de Jó ou do apóstolo Paulo, ou de outra forma, se nós mesmos não formos sóbrios e vigilantes, como nos adverte o apóstolo Pedro, dando assim lugar para que ele nos atormente. Vejamos a referência:

Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive em pecado, mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca 1ª João 5:18.

O que mais deve nos chamar atenção é o fato de que ela pertencia ao Senhor.
Lembramos o caso de uma senhora que nos procurou pedindo oração. Quando começamos a orar aquela senhora deu um grito horrível e se deitou em suas próprias pernas com as mãos sobre a cabeça. Enquanto ministrávamos, ela começou a expelir uma baba grossa mesclada com sangue. (Não entendi o sentido deste ocorrido).
Pela misericórdia e amor de Deus, um dia antes Ele já havia nos dado revelação sobre aquele caso sem, contudo, sabermos com quem seria nem como seria.
Repreendemos aquele espírito maligno que a oprimia e logo em seguida ela nos contou que apesar de estar na igreja vivendo como cristã, ela estava vivendo na pratica de adultério. Após confessar, houve libertação e ela passou a viver livre para a glória de Deus.

Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça. 1ª João 1:9.

Se, pois, O filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. João 8:35.
Entendemos que a vida cristã é algo muito sério. Não podemos andar em dois caminhos. Ou amamos a Deus, ou ao mundo, e aqueles que amando a Deus se deixam seduzir pelos prazeres da carne, colhem para si próprios conseqüências funestas.
Muitos cristãos vivem uma vida sem vitórias exatamente porque não tem permitido ser Cristo O Senhor absoluto de suas vidas.

Mas Jesus lhes disse: Eu vi satanás caindo do céu como um relâmpago.
Eis aí vos dei autoridade para pisardes serpentes e escorpiões e sobre todo o poder do inimigo, e nada, absolutamente, vos causará dano.
Não obstante, alegrai-vos, não porque os espíritos se vos submetem, e sim porque o vosso nome está arrolado nos céus. Lucas 10:18-20.

Como dói no coração de Deus ver um filho Seu sob opressão maligna. Ele veio libertar os cativos. Sejamos livres em Cristo Jesus. Guiomar Barba.



Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

3 comentários:

Paulo Sempre disse...

Há, certamente, outras alternativas.
"Eu vi satánas caindo do céu como um relâmpago.." .."ver para crer" (S. Tomás) Quantos mais teriam visto satánas caindo do céu como um relâmpago?. Os paradoxos do bem e do mal só limitam a nossa liberdade...porque havemos de continuar a ignorar a Natureza e a resfriar os nossos impulsos naturais em pról de certezas só possíveis à luz da fé e não da ciência...?
Criação ou Evolução?
Beijo
Paulo
Portugal

Marcelo Negreiros disse...

Não se pode discutir, pois está na Bíblia, que para nós É a Palavra de Deus. Deus é soberano, e seus Caminhos não são os nossos caminhos. Nosso conhecimento de Deus só se completará na Eternidade e não chegaremos lá pela ciência.
Soli Deo Gloria.

Seminário disse...

Poderosas Palavras essas suas !! Que Deus possar usa-lo como um grande estrumento em suas mãos!!
Seminario Internacional Teologico de São Paulo

Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML