sábado, 6 de dezembro de 2008

JESUS EM CLIMA DE AVIVAMENTO

Em clima de avivamento você desencosta Jesus e O coloca acima das tradições, da sua cultura, da sua igreja, dos seus títulos, de seu academicismo, de seus mestres, de seus heróis e gurus.
Em clima de avivamento, você enxerga e deixa Jesus no fundamento, no alicerce, na primeira pedra, na pedra angular, sobre a qual se apóiam os profetas e os apóstolos, sobre a qual você também se apóia.
Em clima de avivamento, você caminha com Jesus até a cruz e morre com Ele; você sai da cruz e ressuscita com ele; você ouve a voz de Jesus e O segue; você se liga e permanece ligado a Ele tão naturalmente como o ramo de uma videira.
Em clima de avivamento, a cortina começa a se levantar, e Jesus aparece bem nítido e bem próximo diante de seus olhos. Você é capaz de enxergá-LO no princípio mais remoto quando Ele estava com Deus e era Deus, quando todas as coisas foram feitas por intermédio dEle.
Em clima de avivamento e com a cortina levantada, você contempla tanto a humanidade de Jesus quanto a Sua divindade. Diante de seus olhos, Jesus é ao mesmo tempo Filho do homem e Filho de Deus, verdadeiro homem e verdadeiro Deus.
Em clima de avivamento, você é capaz de enxergar Jesus assentado e exaltado à destra do Pai, colocando debaixo de Seus pés todos os poderes demoníacos, todas as forças hostis, entre os quais o maior de todos é a morte.
Em clima de avivamento, você se coloca em torno de Jesus Cristo, na certeza de que Ele é o centro de tudo, nos céus, na terra e debaixo da terra. A vontade dEle passa a prevalecer sobre a sua. Você se nega a si mesmo por causa dEle, quantas vezes forem necessárias. Você tem entusiasmo por Jesus e não consegue ficar calado nem com as mãos abanando diante da carência do ser humano e da graça que há em Jesus Cristo. Essa revolução acontece em clima de avivamento porque é o Espírito da verdade que dá testemunho a respeito da pessoa e obra de Jesus Cristo. (João 15:26). Revista Ultimato.
Fazendo voz com esta abençoada revista, eu diria: Em clima de avivamento, a gente percebe com uma nitidez inconfundível Jesus dirigindo a nossa vida e determinando todos os nossos passos. A gente sente um gozo intenso permeando todo nosso ser de tal maneira que somos dominados por uma gratidão tão profunda que nos conduz ao desejo de obedecê-Lo inteiramente. Guiomar Barba.



Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!
Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML