terça-feira, 23 de novembro de 2010

IRADOS CONTRA O CRIADOR

Por que se enfurecem tantos homens contra Ti ó Altíssimo? Tentam negar a Tua existência e a do Teu ungido, dizendo: "Rompamos os seus laços e sacudamos de nós as suas algemas", quando na cruz do calvário o Teu único Filho se entregou por nós e definitivamente rompeu com as nossas cadeias.

Por que se entendem mais sábios do que a Tua sabedoria? Por que pensam poder apagar os Teus grandiosos feitos e dar outra criação ao universo, se não passam de seres mortais, que sequer sabem o que lhes acontecerá um minuto depois do agora?

Ó Altíssimo! Por Teu infinito amor, tenha misericórdia deles e não lhes imputes pecado, porque na verdade estão desiludidos e decepcionados com homens que a si mesmo se fizeram líderes e dominaram o Teu rebanho. Com interesses escusos ataram fardos pesados sobre os ombros das Tuas ovelhas. Fardos que eles nem com o dedo querem movê-los. Tosqueam as incautas ovelhas e com a sua lã vivem uma vida nababesca, engordam com a carne das mais fartas. Enganam-nas, fazendo-se passar por filhos teus que se fatigam salvando vidas do inferno, e que portanto, são dignos de extorqui-las.

Tu sabes também Senhor, que o joio tem sido confundido com o trigo, sendo assim, para quem não acredita mais em Ti, tudo está em um só pacote. Por este motivo, a Tua verdadeira igreja que realmente caminha contigo, têm sido denegrida sem misericórdia.

Confessamos também Senhor, que poucos são aqueles que têm se envolvido com as aflições da humanidade. Uma expressiva maioria tem estado fechada no seu egoismo, construindo a enganosa torre de babel, enquanto esquecem-se da misericórdia, do repartir o pão, de suprir os órfãos e as viúvas nas suas necessidades, de visitar os encarcerados, vestir o nu, afofar o leito dos enfermos, enfim, praticar a justiça em nome do amor. E assim, como diz o Leonardo Boff: "A instituição perde o rosto humano e se faz insensível aos problemas existenciais".

Ainda mais Senhor, muitos daqueles que arrefeceram na fé, estão apavorados com o Teu aparente silêncio. Já não podem crer que Tu, Jesus, "estás conosco todos os dias até a consumação dos séculos". Como Tomé, precisam por os dedos nas Tuas mãos e no Teu lado, necessitam ver as marcas nos Teus pés e na Tua testa. Com razão Senhor; somos carentes, precisamos de renovação a cada dia, o maná de ontem apodreceu e estamos sobremodo famintos. A descrença da nossa mente racionalmente desequilibrada quase confunde o nosso espírito fragilizado por esta fome de Ti.

No entanto, Senhor temos sempre a esperança que eles voltarão a Te encontrar. Houve um grande filósofo que após propagar que Tu estavas morto, sob a luz de uma bendita loucura, orou:

"A Oração ao Deus Desconhecido" Antes de prosseguir em meu caminho e lançar o meu olhar para frente uma vez mais, elevo, só, minhas mãos a Ti na direção de quem eu fujo. A Ti, das profundezas de meu coração, tenho dedicado altares festivos para que, em Cada momento, Tua voz me pudesse chamar. Sobre esses altares estão gravadas em fogo estas palavras: "Ao Deus desconhecido". Seu, sou eu, embora até o presente tenha me associado aos sacrílegos. Seu, sou eu, não obstante os laços que me puxam para o abismo. Mesmo querendo fugir, sinto-me forçado a servi-lo. Eu quero Te conhecer, desconhecido. Tu, que me penetras a alma e, qual turbilhão, invades a minha vida. Tu, o incompreensível, mas meu semelhante, quero Te conhecer, quero servir só a Ti.

[Friedrich Nietzsche]

Há outros que acreditam que Tu estás eternizado no coração do homem e interpretam este filósofo assim:

"Quando li pela primeira vez essa oração do Nietzsche fiquei tentando entender o que se passava no inconsciente do alemão mas não tive muito sucesso. Fugir de quem negava...render-se a quem afrontava...hoje compreendo melhor essa dinâmica toda, da saudade da alma de um braço forte de um Pai celestial que ampara e cuida e ao mesmo tempo castiga e guia. Hoje repudiamos a visão infantil de Deus e forjamos novas espiritualidades mas o Pai celestial da nossa infância nunca vai morrer."

Eduardo Medeiros.

Ainda existem aqueles que inabaláveis proclamam a fé no Teu Filho Jesus.

"pois para mim, a estoria verídica é de que Jesus foi humano, e morreu e ressuscitou......e o resto, é resto...não me importa... Passar uma centena de anos, discutindo, debatendo e apontando todos os fatos e hipóteses que contrariam a estoria bíblica do nazareno, não nos levará a muito longe, pois Jesus não precisa de ser acreditado, mas simplesmente respeitado....pois jogar toda uma estoria no "lixo", fazendo uma nova estoria...é o mesmo que pegar o meu ou o seu diário de infância e colocar no fogo..... Que fique claro, que nada impede de continuar em busca de provas de que Jesus não morreu, não ressuscitou e não fez milagres....mas o dia em que vocês encontrarem provas convictas de tudo isto, me avisem, porque aí eu duvidarei até que algum dia o Elvis existiu...o Raul Seixas..pois tudo o que restou destas grandes celebridades, foram apenas estorias também.... Quem garante que eles realmente existiram, e quando eu morrer, meus futuros tatatatatataranetos acreditarão que realmente tiveram uma tatatatataataravó chamada Paulinha??!! Sou o que estou sendo enquanto viva, depois que eu morrer, quem garante que eu fui o que sou?! Ou melhor, quem garante que um dia eu realmente existi?! A minha mãe?!...se for por isto Jesus teve uma mãe também...!!

Paulinha."

Senhor, os grandes ateus deste século também vasculharam todo o universo e o lugar aonde habitas e não Te encontraram... Sem resposta, eles foram além do Nietzsche, e proclamaram que Tu jamais existisses, enquanto tentam entronizar no teu lugar vazio... A grande "deusa" ciência, que Tu mesmo facultaste para nosso benefício.

Depois disse Moisés aos filhos de Israel: Eis que o SENHOR tem chamado por nome a Bezalel, filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá.

E o Espírito de Deus o encheu de sabedoria, entendimento, ciência e em todo o lavor,

E para criar invenções, para trabalhar em ouro, e em prata, e em cobre,

E em lapidar de pedras para engastar, e em entalhar madeira, e para trabalhar em toda a obra esmerada.

Também lhe dispôs o coração para ensinar a outros; a ele e a Aoliabe, o filho de Aisamaque, da tribo de Dã.

Encheu-os de sabedoria do coração, para fazer toda a obra de mestre, até a mais engenhosa, e a do gravador, em azul, e em púrpura, em carmesim, e em linho fino, e do tecelão; fazendo toda a obra, e criando invenções. (Êxodo 35.30-35).

Na sua vaidade e soberba, o homem esquece que de Ti procede todo conhecimento, toda sabedoria. No entanto, determinastes que a ciência prosperaria e compartilhastes o fato com o teu sábio servo Daniel.

E tu, Daniel, fecha estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra e a ciência se multiplicará" (Dan.12:4).

A Deus, seja a glória a honra e o louvor pelos séculos, dos séculos. Amém!




Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

11 comentários:

Eduardo Medeiros disse...

Gui, que grande oração esta!!!

saiu da tua alma, das tuas convicções, das tuas críticas e da tua fé.

admiro as pessoas de fé! admiro mais ainda as que tem fé e que são abertas ao outro, à fé do outro, ou a não fé do outro, pois afinal de contas, estamos todos juntos nessa viajem, no mesmo caminho chamado vida cujo destino invevitável é o porto chamado morte.

cada um viaja levando suas bagagens, suas poses, seus mapas e suas compreensões de como melhor fazer o percurso da viajem.

uns só conseguem caminhar dia após dia ancorados na crença de um Deus que existe além e que os guia na estrada...

ainda outros andam na convicção de que são apenas um produto do acaso que o próprio caminho produziu e tentam levar suas vidas da melhor forma possível sem DEus...

e há ainda outros, no qual me incluo, que não se satisfazem com o ateísmo mas estão de peito aberto para a transcendência ainda que não apegados à dogmas imutáveis e na verdade vivem como se DEus não existisse, visto que caminham no entendimento que esse caminho é nosso e só cabe a nós como seres racionais e inteligentes trilhar mas sabendo que o Mistério está lá...não ousa nomeá-lo pois como nomearia o Mistério?

vamos dar as mãos, nós, homens e mulheres de fé e homens e mulheres sem fé; demos as mãos pois ao fazermos isso, nos humanizamos, e ao final da vida, o que menos importância terá será o dogma que cada um defendeu, o mais importante será o quanto humano você foi.

afinal, não foi assim que o mestre jesus disse que cada um seria julgado? não pelo "senhor, senhor" mas pelo acolhimento que fez ao pobre, ao preso, ao desamparado, ao próximo?

ao fazer ao outro, faço a mim mesmo e cumpro todo a lei.

Eduardo Medeiros disse...

Gui, desculpe o tamanho do comentário mas teu profundo e emotivo texto me fez ir escrevendo, escrevendo...

beijos

Guiomar Barba disse...

Edu,

Você me honra com seu comentário inteligente e sincero. Estarei sempre aberta para eles, ainda que sejam os mais longos, porque você sempre ensina.

Só desejo que as pessoas não acreditem no gato risonho do País das Maravilhas. Quando nos sentimos perdidos é melhor termos cuidado com muitos mestres, até mesmo no País das maravilhas.
Não acha?
Beijão Edu e muito obrigada.

Alexandre - Condor disse...

Belas palavras, belíssima oração! Mas entenda que é muito difícil para alguns que sempre acreditaram num Deus bom e justo ensinado por seus familiares, depararem-se com um Deus intolerante, egoista e que salvará uma minoria Dele mesmo enfurecido.
Um Deus que não faz acepção de pessoas, mas que tinha e tem um povo preferido e permitiu que esse mesmo povo antigamente matasse crianças, animais e outras nações para que suas terras fossem tomadas, quando poderia simplesmente criar paraísos no deserto.
Um Deus que faz uma aposta com o responsável pelo mal do mundo (responsável esse criado por Ele com toda sua onisciência) para ver o quanto o servo fiel Jó iria aguentar de tanto sofrer e ainda sim glorificá-lo. Um Deus que é incapaz de aceitar uma pessoa como ela é e quer que mude sob a condição de morrer sob fogo eterno. Que pune severamente quem desrespeita um dia da semana que Ele nos ordenou santificar, assim como Ele ordenou também ser amado sobre todas as coisas.
Sinceramente, eu não tenho raiva de Deus, eu prefiro acreditar que o Deus bíblico não é o que escreveram Dele. Prefiro acreditar num Deus que me ama, mesmo eu sendo quem sou: com minhas falhas, manias, gostos e tudo o que sou. Que ama meus amigos e famíliares e que aceitará em sua companhia tanto os que nele creram como também os que não creram e foram boas pessoas.
Gosto do Deus bom que acreditava quando criança e não do Deus que conheci adulto por meio da Bíblia.
Não suporto a idéia de um sacrifício em consequência de uma desobediência provocada por um anjo caído muito mais experiente do que o casal a ele submetido. Esse anjo poderia ter sido jogado em um planeta desabitado ou nem ter sido criado.
Enfim, eu ainda acredito em Deus, mas no meu Deus que me fez, e esse eu realmente amo, mesmo não O conhecendo.

Grande abraço e sua oração me fez suspirar de tão bela que foi! Parabéns também por sua fé. Quem sabe um dia poderei ver Deus assim como você O vê

Guiomar Barba disse...

Alexandre,

Eu parto do princípio de que “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito, para que todo aquele que nEle crê não pereça mais tenha a vida eterna. (João 3.16). Além disso, Ele ainda proporcionou ao homem condições em Cristo de viver neste mundo sem andar segundo o curso dele. Cabe portanto, ao homem escolher aonde Ele quer passar a eternidade.
O inferno foi preparado para o diabo e seus anjos. No entanto, Deus tem todo direito de exigir um código de conduta para aqueles que queiram ir morar com Ele.

Existem questões na bíblia, como as guerras, que eu tenho lido e pedido a Deus que me capacite a entender a história.

O caso de Jó eu também tenho procurado entender a trama, não acredito que Deus pelo simples prazer de provar ao diabo que Jó O amava e obedeceria sob qualquer circunstância, lhe permitiu desgraçar a vida de Jó.

Quanto ao sábado. Veja que muita gente violou o sábado, sem sofrer qualquer punição. Eles estavam sob lei, hoje vivemos sob a graça.

Realmente o Deus que o homem construiu, é um monstrinho. Não é o Deus que foi capaz de dar por nós O seu único filho. Este sacrifício foi exatamente porque Deus viu a incapacidade do homem de dizer não ao pecado, então Ele nos deu o perdão através da morte de Cristo.

Quanto ao anjo caído, Deus já resolveu em Cristo. Ele não é o problema e sim a nossa dificuldade em dizer não ao pecado.

Aquele deus que construíram para nós, sempre que teima em reaparecer eu o exorcizo, e busco conhecer mais e mais o Deus verdadeiro que nos ama e que tem paciência com os nossos erros e está sempre pronto a nos perdoar. Creio que nós dois estamos vendo o mesmo Deus.
Volte sempre. Abraços

Alexandre - Condor disse...

Saudações Guiomar

o que eu acho sobre a lei:

A lei nunca acabou visto que o próprio Cristo disse em Mateus 5: 18 Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da lei, sem que tudo seja cumprido.
19 Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus.
. Tanto que ele sempre fala em outros trechos bíblicos: "se me amais, guardará os meus mandamentos.
Sem falar no tom áspero em 1 joão, capítulo 2 versos 3 e 4:
3 E nisto sabemos que o conhecemos; se guardamos os seus mandamentos.

4 Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade;

O sábado anulado pela cruz foi o sábado cerimonial judaico, juntamente com as festas dos pães asmos e outras comemorações que apontavam para vinda e o sacrificio de cristo.
Se a lei dos 10 mandamentos fosse cancelada, seria lícito adulterar, matar e ainda sim, estar sob a graça. Mas isso é outra discussão que não leva a muita coisa, pois é impossível (pelo menos para mim) obedecer o quarto mandamento, pelo simples fato de não concordar com ele.
Veja só, o que impede que a Bíblia seja alterada em suas inúmeras edições? Sinceramente não sei se ela é autêntica e nela vejo muitos elementos humanos, como por exemplo: ruas e mansões de ouro no paraíso! De boa, quem quer isso? eu não preciso disso nem aqui e nem lá.
O que eu quero é poder contar com a presença de todos aqueles que amo, sem ter que olhar para trás e ver que seres humanos bons morreram porque simplesmente não creram em Cristo. Se ele se manifestasse mandando maná para os famintos da África e dissesse de forma sobrenatural para que todos ouvissem: Eu sou o Deus verdadeiro! Não tinha dúvida que todos acreditariam nele.
Agora colocar um bando de pastores picaretas para divulgar sua verdade, fica difícil culpar a humanidade por incredulidade!
Por isso, acredito Nele ao meu modo e se tiver que morrer por não obedecê-lo corretamente, a culpa não será minha!
Por isso resumi a Bíblia em uma só frase: Aquilo que vocês querem que os homens façam para vocês, isso vocês também devem fazer a eles, porque esta é a Lei e os profetas -Jesus

Um grande e sincero abraço

Guiomar Barba disse...

Oi Alexandre,

Veja que em Gálatas 3.1-14, especialmente o versículo 14. Jesus cumpriu a lei por nós. Veja o que Paulo pergunta: “Anulamos, pois, a lei pela fé? Não, de maneira nenhuma! Antes, confirmamos a lei.(Romanos 3.31). Não podemos pegar um versículo isolado, temos que ver o contexto. Veja que muitas vezes Jesus dizia: A lei de Moisés diz assim... Eu porém vos digo...
Observe que a lei era impraticável e cruel nos castigos. Jesus já diz que os mandamento dele não são pesados. E claro, se eu amo a Jesus eu tenho prazer em obedecê-Lo. Na verdade quanto mais você obedece, mas íntimo você fica dEle e mais o conhece. E a convivência fica gostosa.
Quanto ao tom áspero, não podemos julgar conforme a tradução. Sabemos o que Ele quis dizer a sua mãe naquela hora, mas não podemos dizer que foi com as mesmas palavras que o tradutor nos trouxe. Finalmente, Jesus sabia tratar com as pessoas e era cheio de amor.

“Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade;”
Isto não significa perfeição, pecamos tanto que a bíblia diz que: “as misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos.”
Quanto ao sábado, você estudando bem na bíblia você vai ver que Jesus é o nosso descanso, ou seja, o nosso sábado.
Eu vejo os dez mandamentos com exceção dos quatro primeiros mandamentos, como leis morais; não tem nada haver com religião, é um dever de todo ser humano vivenciá-los.

Eu creio que muitas coisas na bíblia são simbólicas. Eu creio que se Deus fez este mundo tão grandiosamente maravilhoso, como diz João: “olhos não viram, mãos não apalparam e ouvidos não ouviram o que Ele tem preparado para nós.”
Cada vez que eu vejo na TV ou através de vídeos a beleza deste mundo, eu fico pensando: Como o céu pode ser mais lindo que a terra... Daí você imagina.
Agora pensemos: se nós que somos inclinados ao mal, amamos tanto as pessoas, desejamos tanto que elas sejam felizes, imagine Deus que mandou seu único filho para morrer por nós, que não fará para que o homem seja salvo da condenação eterna? Nós não sabemos o que acontece com ao ser humano na hora em que ele está partindo para o outro mundo. Nós julgamos a aparência, Deus ver o mais profundo do coração do homem e julga segundo a reta justiça.
Veja que Ele se manifestou para o povo de Israel mandando não só maná, mas fazendo o mar se abrir e tantos outros sinais e maravilhas, mas só porque Moisés demorou demais no monte onde eles já haviam visto a glória de Deus, eles já mandaram fazer um deus de ouro, (bezerro) e renegaram ao Deus que os livrou da terra do Egito.
Lembra o que Abraão falou para o rico? Ainda que ressuscitasse um morto, seus irmãos não iriam crer. Você percebe que muitos dos que viram Jesus fazendo sinais e maravilhas o criticavam e não criam nEle?
Meu querido se milhares crêem independente de sinais...? O que Jesus disse a Tomé? Sede crente e não incrédulo.
Os pastores mercenários, empresários da fé, não foi Deus que colocou não. Mas já foi profetizado que nos últimos tempos fariam comércio de nós. Claro, para quem se deixa enganar.

Você disse: “Por isso, acredito Nele ao meu modo e se tiver que morrer por não obedecê-lo corretamente, a culpa não será minha.”
O que nós pensamos não muda nada. Deus é quem decide segundo a sua soberania e justiça. Mas te garanto que obedecer não é impossível quando amamos a Ele; e sabemos também, que Ele nos perdoa o dia todo.
O que Jesus vai realmente cobrar de nós é o amor. E não é fácil amar, mas Eel nos capacita.
Abraço amigo.

Alexandre - Condor disse...

Palvaras confortantes! Sinto-me bem e confiante com esse Deus que você apresenta, o Deus Jesus apenas, mas quando leio o velho testamento, vixe...nem parece o mesmo.

abraço!

Guiomar Barba disse...

Oi Alexandre,

"Esquecendo-nos da coisas que para trás ficam, prossigo para o alvo..." Estamos na graça. O Deus do velho testamento para mim ainda é um mistério. No entanto, eu confio em Deus que nos amou a ponto de nos entregar o seu filho para perdão dos nossos pecados.

Curta este Deus, vivencie Ele e seja feliz ajudando a outros que precisam de amor.

Abraço amigo.

Carluca de Jesus disse...

Sinto o coração enternecido e comovido com você, com o Edu e com o Alexandre. Depois posto mais coisas sobre, no teclado do micro.

Carluca de Jesus disse...

Conheci Guiomar no Desafio Peniel. Ao chegar ali pregaram sobre o versículo que diz que tudo que pedirmos em Seu nome Ele fará. Orei pra curar uma verruga em Seu nome e no outro dia a verruga sumiu do braço. Ainda incrédulo , achei que era o poder da minha mente. Deus falou uma frase na minha cabeça e eu achei que era apenas "da minha cabeça", ao visitar uma igreja com o pessoal do Desafio Peniel, uma senhora veio a mim e disse: "Eu sou o senhor que te falo através da minha serva..." e repetiu a mesma frase que eu tinha ouvido na minha cabeça. Fiquei estarrecido! Concluí que Deus fala e que eu estava no caminho certo, naquele lugar onde se prega a palavra. Guio era a obreira e aprendi os rudimentos da fé com ela, além de testemunhar muitos outro milagras. Considero-a minha mãe espiritual, que inclusive entrou comigo no meu casamento. Tenho testemunhado muita "loucura" com ela, como cantar "Vem com Josué lutar em Jericó" e ver Deus apagar queimadas. Essa só ela vai entender, rsrs!

Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML