quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

TENHA DETERMINAÇÃO




“Mas se eu lhe disser quem sou,
Você pode não gostar de quem sou,
E isso é tudo que tenho.”
John Powel

Li em uma revista que 97% das resoluções de Ano-Novo nunca são cumpridas. Eu acredito nisto. No entanto, entendo que quando desenvolvemos dentro de nós uma proposta que sabemos nos fará melhores, e determinamos pô-la em prática, somos tão capazes de levá-la a ação quanto quando escolhemos um caminho a trilhar para nossa realização profissional.

Como cristãos, temos um padrão perfeito a imitar, Jesus.  O apóstolo Paulo admoesta-nos a examinarmo-nos a nós mesmos, ou seja: a conhecermos a nós mesmos, fazermos um auto-exame. É bem provável que após um acurado auto-exame, fiquemos profundamente entristecidos por percebermos o quanto estamos aquém da nossa meta de vida cristã. Todavia, não podemos desistir de nós mesmos quando o nosso modelo perfeito, continua investindo e apostando em nós.

Meu compromisso para 2013 conforme a postagem http://davidguiomar.blogspot.com.br/2013/01/meu-compromisso-2013.html#links confesso que não é uma decisão simples a cumprir. A maledicência se tornou um pecado tão comum a todos, que difamar o nosso próximo, não nos incomoda a consciência. Muitos enganam a si mesmos, alegando que estão falando a verdade. Porém, quando falam deles, mesmo que seja verdade, não gostam.

Hoje são 30 de janeiro, é muito cedo para dizer qual a maior dificuldade: se o evitar dizer mal de alguém, se o evitar ouvir mal de alguém ou evitar pensar mal de outrem.  Mas de uma coisa estou segura: O Espírito de Deus tem sido o meu grande ajudador. É Ele que toca o sinal de alerta, nos momentos em que vem a minha mente algum pensamento ou julgamento indevido sobre alguém. Num riso maroto, eu lhe digo: “ok!”

Uma das provas para mim mais difíceis, talvez, será quando pessoas com quem não tenho intimidade venham, à guisa de aconselhamento, ou com sinceridade, comentar ou desabafar algo sobre alguém. Até hoje tem sido fácil, porque poucas pessoas e todas do meu relacionamento mais íntimo, já escutaram de mim: “Estou em jejum de falar, pensar e ouvir mal de quem quer seja.” Sinto-me grata porque soube que alguém estava aconselhando uma pessoa a seguir o meu exemplo. Como gostaria que pelo menos os meus próximos e os que me leem aderissem a esta decisão!

O que guarda a sua boca e a sua língua, guarda a sua alma das angústias. (Provérbios 21.23). 


Jesus ensinou relacionamentos com o seu próprio viver, e não com a retórica.

Alguém talvez vá lhe dizer: “Você nunca vai conseguir.” Não assimile esta sentença desprovida de fé ou razoada no feitio humano. Acredite que você poderá ser um exemplo dos que trilham as pisadas do Mestre Jesus. Tenha determinado em seu coração que o Espírito Santo lhe guiará à toda justiça.

“O que se opõe ao descuido e ao descaso é o cuidado. Cuidar é mais que um ato; é uma atitude. Portanto, abrange mais que um momento de atenção. Representa uma atitude de ocupação, preocupação, de responsabilidade e de envolvimento afetivo com o outros.” Leonardo Boff

Por Guiomar Barba







Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

Nenhum comentário:

Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML