terça-feira, 29 de julho de 2014


COSTURANDO O VÉU?!


A escalada galopante de heresias que surge a todo momento nos dias atuais é de estarrecer qualquer pessoa com o mínimo de conhecimento das escrituras sagradas.
Existe apenas uma maneira de combater uma heresia, mostrando a forma correta da fonte que brotou. Pois bem, vou aqui colocar algumas questões para reflexão.

“E Jesus, clamando outra vez com grande voz, rendeu o espírito.
E eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras”; (Mateus 27:50-51).

Isto aconteceu para que eu e você tivéssemos livre acesso a Deus, e como Igreja de Cristo nascêssemos e entrássemos livres no período da graça. Livres de todas as amarras judaicas, para nos preocupar com o ide de Cristo.

“Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém”. (Mateus 28:19-20).

Como se isso fosse uma tarefa fácil e de pouco consumo de tempo, o povo “de Deus” tem se preocupado agora em costurar esse véu e resgatar hipocritamente a lei, retirando a racionalidade de seus cultos.

“Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional; e não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que proveis qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”. (Romanos 12:1-2).

Hoje as igrejas, com as devidas exceções, trazem para dentro de seus lugares de cultos a arca da aliança (lei), festas judaicas como se assim o fossem. Sem ter a consciência do que é ser judeu e ser gentio. E diga-se de passagem o fazem muito mal, suprimindo atos puramente judaicos. E assim caminhamos vendo estarrecidos o desenrolar das coisas.
O que se vê na grande maioria hoje é a falta da preocupação em fazer discípulos. Com um “evangelho” raso, oportunista e moldado ao homem; explorando o sofrimento humano, atraem a si, adeptos que lhes favoreçam financeiramente. 


Não estão preocupadas em saquear o inferno e povoar o céu. Mas em exibir o maior número de pessoas, ainda que não estejam no reino, pois apresentam um evangelho totalmente prostituído. Não que eu seja contraria a igrejas com multidões de pessoas, longe disso, mas contanto que haja resgate de vidas.


A Bíblia aponta Deus como o centro, e o que vejo nos dias atuais é o homem no centro e querendo que Deus satisfaça todas as suas vontades e lhes proporcione bens materiais. Como se uma vida próspera fosse apenas bens.  Usam apenas o Velho Testamento para esse fim, mas o que então dizer de Hebreus 11? Queridos, não estamos aqui para fazer a nossa vontade e sim a do Pai. Isso Jesus deixou bem claro e se fez exemplo.

A igreja no Brasil vive tempos de liberdade, coisa que em muitos lugares já não existe. Sem ter o que fazer, passam a oferecer atrativos dos mais diversos, só enganação, quanto mais parecido com o mundo, melhor... O “peixe” cai na malha fina sem perceber, assim pensam... Só que o evangelho usa a razão e não a enganação. Se hoje houvesse uma perseguição, gostaria de saber para onde iria as festas juninas, as festas country, etc... que recheiam as denominações.

Iniciamos como protestantes, depois abriu-se um leque de várias denominações, até chegar a incontáveis denominações de evangélicos. Que hoje sofre de uma crise de identidade cristã muito severa.
Iniciamos com Pastores, a depender do tipo de governo, se episcopal, Bispo. Até ai compreensível.

 Agora como se não bastasse títulos como "Apóstolos", “Patriarcas”, "Pai Postulo", comendador, permeiam o mundo evangélico. Isso basta? NÃO, agora temos o "Sumo Sacerdote"! Este foi o título que Edir Macedo a si outorgou, fantasiando-se ridiculamente de judeu. Mas isso é próprio de quem só prega o Velho Testamento, pois o ganho é melhor. Título esse também já "alcançado" antes por René Terra Nova... É pra matar... Nessa escalada de poder, não demora teremos o título de vice deus.

E para arrebentar com a teologia, contradizendo todo o Novo Testamento, temos um templo de Salomão em plena cidade de São Paulo onde dizem ser a habitação de Deus. Quanto à arquitetura da construção, cada um coloque da forma que quiser. O problema reside no que se pretende por trás dessa arquitetura.  Da forma que estão sugerindo, como se Deus não tivesse onde morar, até que o verdadeiro templo em Israel seja reconstruído. E que aquele lugar agora é “lugar santo”. Perigoso isso.

Espere aí, que teologia é esta?... Idolatria pura, descarada, arrastando os incultos.

“Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?
Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois vós, é santo.

Ninguém se engane a si mesmo. Se alguém dentre vós se tem por sábio neste mundo, faça-se louco para ser sábio.

Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus; pois está escrito: Ele apanha os sábios na sua própria astúcia.
E outra vez: O Senhor conhece os pensamentos dos sábios, que são vãos.
Portanto, ninguém se glorie nos homens; porque tudo é vosso”; (1 Coríntios 3:16-21).

O véu do santuário que Jesus Cristo rasgou, com o Seu sacrifício na Cruz, agora tentam costurá-lo levianamente a qualquer custo.
Deixo dois últimos textos para refletirem. Atos 17:24-30

"O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens;
Nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois ele mesmo é quem dá a todos a vida, e a respiração, e todas as coisas;
E de um só sangue fez toda a geração dos homens, para habitar sobre toda a face da terra, determinando os tempos já dantes ordenados, e os limites da sua habitação;
Para que buscassem ao Senhor, se porventura, tateando, o pudessem achar; ainda que não está longe de cada um de nós;
Porque nEle vivemos, e nos movemos, e existimos; como também alguns dos vossos poetas disseram: Pois somos também sua geração.
Sendo nós, pois, geração de Deus, não havemos de cuidar que a divindade seja semelhante ao ouro, ou à prata, ou à pedra esculpida por artifício e imaginação dos homens.
Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, e em todo o lugar, que se arrependam";

“Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado.
Ora o servo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre.
Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.
Bem sei que sois descendência de Abraão; contudo, procurais matar-Me, porque a minha palavra não entra em vós”. (João 8:34-37).

Ser evangélico hoje qualquer um pode ser, praticante ou não. Agora, ser Cristão a coisa muda totalmente, pois para isso o caráter dEle e a santificação NEle é imperativo e não opcional.
Que a verdadeira Igreja de Cristo faça a diferença nos tempos do fim! Maranata!
                                                    

                                                                                                Eliane Serrou de Araujo.

Mas como canta João Alexandre, é "Proibido Pensar".


http://youtu.be/87ubQOyrtZQ



Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

3 comentários:

Guiomar Barba disse...

Grata a Eliane, por sua grandiosa contribuição.

"O meu povo perece por falta de conhecimento". Simples assim.

Lendo a palavra e buscando revelação do Espírito Santo, não cairemos nestas loucuras e heresias dos últimos dias.

Carluca disse...

Alguns "lideres" se acham a quarta pessoa da trindade. Deus tá vendo tudo isso; a Sua justiça não tarda.

Guiomar Barba disse...

Carluquinhaaaaaaaaaa meu amigo que me corrige os erros de postagens e me dá grandes ideias. Obrigada pela visita.
Verdade Carluca o pior é que eles sempre encontram quem os mantenha na posição de deuses.

Retornar para o topo da Página
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML